Fluid Feeder

Entenda a função e aplicação dos diferentes tipos de lavadores de gases

lavadores de gases

Um lavador de gases é um sistema que desempenha um papel fundamental em diversos ramos industriais. Trata-se de um equipamento responsável por neutralizar gases e vapores, impedindo que sejam liberados para a atmosfera sem o devido tratamento. Entenda quais são os diferentes tipos de lavadores de gases e qual a função e aplicação de cada um.

Classificação dos tipos de lavadores de gases

Os lavadores de gases podem ser classificados primeiramente pelo tipo de tecnologia utilizada, ou seja, por qual processo de tratamento os gases são neutralizados:

  • Neutralização por via úmida: é utilizada uma solução neutralizante líquida, que pode ser somente água, ou uma solução aquosa contendo um produto químico que seja adequado para reagir com o gás em questão. O lavador é composto de um exaustor, uma bomba centrífuga, um tanque de solução e uma torre de neutralização, além dos instrumentos periféricos e a parte de comando e controle elétricos. Esse tipo de lavador recircula a solução dentro da torre em contracorrente ao gás, promovendo o contato e as reações químicas, até que o ar saia limpo pela chaminé.
  • Neutralização por via seca: é utilizado um meio filtrante sólido no lavador, que pode ser carvão ativado simples, ou outros tipos de meios desenvolvidos especificamente para cada tipo de gás em questão. O lavador é composto de um exaustor e uma torre de neutralização, além dos instrumentos periféricos e a parte de comando e controle elétricos. Esse tipo de lavador passa o gás pelo leito filtrante sólido, promovendo o contato e as reações físicas e químicas no interior do sólido filtrante, até que o ar saia limpo pela chaminé.

Os lavadores também podem ser classificados pela forma de uso, ou seja, pela aplicação dentro de cada processo:

  • Operação intermitente: é utilizado em processos onde o lavador de gases será acionado somente se houver um vazamento de gás. Nesta aplicação, o lavador trabalha em conjunto com um detector de gases. O detector indica presença do gás no local em uma concentração já programada e considerada fora do limite normal, e assim envia um sinal para o painel de comando do lavador, que irá iniciar a operação para lavagem do ar no local. Essa operação será temporária, mantendo o local livre de gases tóxicos/poluentes, e impedindo sua emissão para a atmosfera, até que os responsáveis do local encontrem o foco do vazamento e resolvam o problema. Após isso, o lavador permanecerá inoperante até a próxima ocasião de vazamento. Este tipo de operação é aplicado em processos que utilizam gases perigosos, porém confinados, e só há necessidade de um sistema de segurança se ocorrer um vazamento. Por exemplo, a utilização de cilindros de cloro em ETAs e ETEs.
  • Operação contínua: é utilizado em processos onde o lavador de gases irá trabalhar sem interrupção. Neste caso não é necessário um detector de gases para fazer o acionamento do lavador. Este tipo de operação é aplicado em processos que utilizam ou produzem gases perigosos, e no próprio processo ocorre emissão para a atmosfera, ou então processos que emitem gases odoríferos para o entorno. Por exemplo, indústrias químicas que utilizam ou produzem amônia ou ácido clorídrico, e também ETEs que emitem amônia ou ácido sulfídrico nos processos de digestão do esgoto.

Pontos fortes dos lavadores de gases

  • Maior segurança para seu processo e para as pessoas envolvidas;
  • Atendimento as normas ambientais;
  • Processo automatizado.

A aquisição de um lavador de gases é fundamental para diversos tipos de indústrias. E para você contar com os melhores produtos e serviços, a Fluid Feeder é uma empresa diferenciada.  Contate-nos e tenha a garantia do melhor serviço. Estamos lhe esperando para prestar o melhor atendimento, e lhe ajudar a encontrar as soluções ideais para sua empresa. Entre em contato hoje mesmo.

Desenvolvido por AO5 Marketing Digital