Fluid Feeder

(11) 99938-6210

(11) 2021-7755
BR ES

Lavador de Gases com Solução Química Neutralizante

Projetado e fabricado de acordo com normas brasileiras e internacionais (ABNT, Abiclor, CETESB, Chlorine Institute, ANSI), o sistema de exaustão e neutralização de gases da Fluid Feeder oferece segurança operacional e ambiental em processos que liberam gases tóxicos ou perigosos, podendo estar presentes em ETA’s, ETE’s ou em indústrias. Estes sistemas também são conhecidos como lavadores de gases.

 

Aplicações

O sistema de exaustão e neutralização de gases pode ser utilizado em situações emergenciais, ou seja, em casos de vazamento de gases tóxicos, como o gás cloro utilizado no tratamento de água; e também pode ser aplicado no controle de odores, sendo muito comum a presença de gás sulfídrico e amônia emanados no tratamento de esgotos.

Portanto, os lavadores de gases podem ser utilizados em todo local onde haja armazenamento e manuseio de cloro gás, além de liberação de odores, em Estações de Tratamento de Água e Esgoto, tanto em serviços públicos como privados.

 

Parâmetros de Dimensionamento

De acordo com o “Manual do Cloro”, da Abiclor – Associação Brasileira da Indústria de Álcalis e Cloro Derivados, a vazão de descarga ou vazamento de cloro gás em cilindros depende de sua capacidade e, de acordo com essa capacidade, é dimensionado o sistema de exaustão e neutralização de gases. O volume da solução neutralizante (soda cáustica 20%) deve ser suficiente para o abatimento do gás cloro com autonomia definida no projeto, segundo as necessidades técnicas e de segurança do cliente. O dimensionamento da vazão de ar contaminado deve permitir uma taxa de renovação do ar da sala de cilindros de aproximadamente 40 trocas por hora, o que corresponde a uma troca do volume total de ar em um período de 1 a 3 minutos.

No caso de controle de odores, recomenda-se uma taxa de renovação do ar de 5 a 15 trocas por hora, sendo 15 quando houver trabalhadores no local. Da mesma forma, é feito o dimensionamento da vazão de ar contaminado e do volume de solução neutralizante, que também depende de quais gases estão presentes no odor emanado, além das necessidades técnicas e de segurança do cliente.

 

Design Geral

Este sistema é composto por tanques para armazenamento de solução neutralizante, torre com enchimento e bicos pulverizadores, bombas de transferência, painel de comando elétrico, exaustor e tubulações necessárias para montagem e perfeito funcionamento do sistema. Os lavadores são projetados para montagem dentro de diques de contenção para produtos químicos, a fim de garantir maior segurança aos operadores.

 

Princípio de Operação

A operação do lavador de gases consiste na exaustão do ar contaminado, ou seja, ar mais gases contaminantes, através dos dutos de condução até a torre de neutralização do lavador, onde esse ar toma contato intenso com a solução neutralizante na câmara de enchimento. O banco de enchimento é nebulizado pelos bicos spray, de forma a aumentar a área de contato entre o ar e a solução, promovendo a reação química de neutralização, e assim eliminando 100% do gás residual presente no ar. Em seguida, o ar sai pela chaminé, passando por um retentor de gotículas e saindo para a atmosfera livre dos gases contaminantes e de umidade.

Faça Aqui o Download Faça Aqui o Download do Catálogo Completo!

Galeria Lavador de Gases com Solução Química Neutralizante

Lavador de Gases
Lavador de Gases
Lavador de Gases
Lavador de Gases
Solicite orçamento deste produto Agora
Solicite um ORÇAMENTO
Desenvolvido por AO5 Marketing Digital