Fluid Feeder

(11) 99938-6210

(11) 2021-7755

Metrinet – Q-52 traz monitoramento da água para a Internet das coisas

Sistema da ATI é mais compacto, faz análises contínuas disponibilizadas online em tempo real e tem distribuição exclusiva pela Fluid Feeder

Tramita no Congresso Nacional o projeto de emenda constitucional (PEC 04/2018) que transforma em direito fundamental o acesso à água potável. Portanto, a qualidade da água tratada pode vir a ser, em breve, uma questão ainda mais sensível para estados e municípios. A Fluid Feeder contribui para ajudar o País a cumprir esse objetivo de universalizar a oferta de água tratada por meio do aparelho Metrinet – Q52, da ATI (Analytical Technology Inc.).

A potabilidade da água depende de um cuidado intensivo quanto à coleta, análise e controle de parâmetros como pH (potencial hidrogeniônico, que mensura níveis de alcalinidade e acidez de um meio), turbidez, cloro, flúor etc.

O Metrinet – Q-52 conta com uma tecnologia exclusiva com sensores inteligentes e independentes de medição dos parâmetros acima e até oito (08) variáveis simultaneamente (o sistema com até quinze (15) para escolha do cliente), sem a necessidade de adição de produtos químicos como os modelos convencionais.

“Este sistema revolucionário traz a área de análises de água em sistemas de tratamento de água para a modernidade, ou seja, para a Internet das coisas e promove um grande avanço nos processos de ETA’s (estações de tratamento de água). O sistema é do tipo ‘plug and play’, ou seja, é entregue pronto para uso sem necessidade de adição de nada, somente ligar e usar”, explica o engenheiro Francisco Oliver, diretor técnico industrial da Fluid Feeder.

Outra vantagem que o Metrinet – Q-52 oferece é o fato de possuir um corpo miniaturizado, além de realizar as análises continuamente online, de modo que os dados podem ser acessados via modem/celular, Wi-Fi, Modbus cabeado RTU, Ethernet IP, Profbus DP ou via nuvem.

O sistema pode ser calibrado por meio do acréscimo de um controlador local e ajuste dos sensores, o mesmo vale para o armazenamento e a transmissão dos dados, uma vez que o processamento é feito pelos próprios sensores do aparelho.

Quanta água o sistema Metrinet consome?

O padrão é que o sistema Metrinet – Q-52 seja conectado a um fluxo contínuo de 200ml/ min, consumindo cerca de 75 galões/dia. Ainda que seja uma quantidade pouco significativa do recurso, é possível reduzi-la por meio do fechamento da válvula solenoide, que será aberta em intervalos pré-determinados – com isso é possível reduzir o consumo de água para amostra para cerca de 5 galões / dia.

 Localização em tempo real

O sistema Metrinet – Q-52 possui um módulo de GPS que permite identificar em tempo real a localização exata do aparelho. Com as coordenadas de GPS, é possível fazer a marcação dos pontos de análise em mapas, por exemplo. Se, por alguma eventualidade, o aparelho for transferido para outra posição, o usuário terá essa informação atualizada automaticamente.

Saiba quais parâmetros podem ser analisados pelo Metrinet – Q-52

O sistema Metrinet – Q-52 permite a análise de até 15 itens na água, sendo que o usuário pode selecionar até oito deles funcionar de forma simultânea. Confira abaixo a relação completa:

  1. Cloro livre
  2. Cloro combinado
  3. Cloro total
  4. pH
  5. Condutividade
  6. ORP
  7. Oxigênio dissolvido
  8. Flúor
  9. Ozônio dissolvido
  10. Dióxido de cloro
  11. Ácido paracético
  12. Peróxido de Hidrogênio
  13. Turbidez
  14. Pressão
  15. Condutividade 4E

O Metrinet – Q-52, da ATI, é distribuído com exclusividade no Brasil pela Fluid Feeder. Para mais informações ou para solicitar um orçamento, entre em contato conosco aqui.

Quem somos

No mercado desde 1997, a Fluid Feeder é especializada no tratamento de água e de efluentes por meio de soluções personalizadas para medição, transferência e dosagem de produtos químicos sólidos, líquidos e gasosos, para companhias de abastecimento e saneamento bem como para indústrias. Saiba mais aqui.

 

 

 

Desenvolvido por AO5 Marketing Digital